4 de fevereiro de 2015

Walking in their shoes

Se há banda que tem covers bem jeitosas das suas músicas são os Depeche Mode:


Os Ghost têm um ambiente que combina bem com a música.


Quem conhece o original repara logo que falta ali o "down to the bone", no refrão. O Till, dos Rammstein, pára no "Let me see you stripped" porque, e isto é verídico, não conseguia dizer o resto. 


Versão muito apropriada e apreciada.


Aqui em versão do Johnny Cash, ainda melhor.


Para quem não conhece a discografia dos Moonspell isto pode ser uma surpresa, mas a influência dos Depeche Mode nota-se, especialmente no Sin / Pecado. 


Juntar Depeche Mode e Deftones é quase batota.


Quando os Smashing faziam cenas fixes.


Cover de um clássico por uma banda genérica do nu-metal. Ainda assim bastante bom.


2 comentários:

bloganormalidade disse...

Sem ser propriamente cover, mas sim um remix, o "Useless" by Kruder&Dorfmeister está lá - https://www.youtube.com/watch?v=LsOcrnZqWtg

Nouvelle Vague também cobriram dois ou três temas, mas saturei-me de covers feitos por gajas com voz de cama (ok, há dias em que...)

A Bat for Lashes tem um tb, não me lembro bem qual, o que não o torna propriamente memorável.

S. Mak

Ricardo disse...

Gajas com voz de cama está bem aplicado, sim.

Nem conhecia esses rapazes, safa-se bem o remix.