7 de maio de 2014

Não mordas a língua, ou os dedos, neste caso é escrito e não falado, mas vai dar ao mesmo

Por falar em Clarão, também não era preciso exagerar, Uma estrela? Em cinco? Mauzinho, mauzinho.

2 comentários:

Cat disse...

Por acaso ouvi-o no outro dia, na íntegra, e de música para música as emoções saltitaram entre o gosto muito e quéstamerda?...

Ricardo disse...

É um bocado isso. Mas também não é assim TÃO mau que mereça uma estrela.