3 de fevereiro de 2014

Facebook, você me mata


3 comentários:

Uva Passa disse...

Há 4 dias que aqui venho e nada.
Então esses ossos?
E esses livros?

Ricardo disse...

Os livros vão andando, os ossos também, blog é que nem por isso.

Carla Pereira disse...

Já é mau saber que alguém se lembrou de criar tal coisa, mas o que me mata mesmo são as pessoas que vêem isso e partilham, com toda a seriedade, acrescentando "Se não partilhares, blábláblá..."!