1 de janeiro de 2012

Cenas que se encontram no FB


Não sei o que me enternece mais: se a insistência abnegada ou se o desprezo subtil. Nas profundezas do FB há coisas maravilhosas.

Sem comentários: